sexta-feira, 11 de setembro de 2009

QUAL O MELHOR ROMANCE? QUAL A PERSONAGEM PREFERIDA?

Essas perguntas são fáceis de se responder: o melhor romance é o que estou escrevendo, ou que acabei de escrever. E a personagem preferida é a protagonista desse romance. E a justificativa também é muito simples: é o romance que tem mais a ver com a minha realidade atual, coma maturidade que eu atingi, tanto quanto à vida como à literatura e a meu processo de criação.

Não posso negar, porém, o grande carinho que tenho por todos os que foram publicados – e se foram publicados, tanto tempo depois de escritos, é porque, além de eu reconhecer algum valor neles, seja literário, seja catártico, gosto da história e das personagens. Sou muito crítica de todo o processo, então todos os sobreviventes são meus xodós. Não há como sobreviver sem ser xodó. E, como são todos filhos, não é possível escolher um como mais querido. Por isso é difícil para mim dar uma indicação de um romance meu para alguém: eu sempre vou sugerir o mais recente.

Um comentário:

  1. Monica, acho que você sintetizou muito bem o que é escrever e o gosto por isso.
    O melhor livro é este que eu escrevo, e o melhor personagem é o último que eu conheci. Simples assim, sem romantismos, sem devaneios. Direto na veia.

    Estou cuidando do Bostoievski enquanto o André decide o que vai fazer da vida, quando puder, dê um pulo por lá.

    Um abraço.

    ResponderExcluir

Receba os textos no seu e-mail

Outros textos interessantes

Um pouco sobre mim

Minha foto
Mestre em História e Crítica da Arte pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Dedica-se à literatura desde 1985, escrevendo principalmente romances. É Membro Correspondente da Academia Brasileira de Poesia - Casa Raul de Leoni desde 1998 e Membro Titular da Academia de Letras de Vassouras desde 1999. Publicou oito romances, além de contos e poesias em antologias. Desde junho de 2009 publica em seu blog textos sobre seu processo de criação e escrita, e curiosidades sobre suas histórias. Em 2015, uniu-se a mais 10 escritores e juntos formaram o canal Apologia das Letras, no Youtube, para falar de assuntos relacionados à literatura.

Quer falar comigo? É aqui mesmo.

Nome

E-mail *

Mensagem *

Amigos leitores (e escritores)